TEXTOS

BERNARDET, Jean Claude. 1980. O que é cinema. Primeiros Passos (9).  São Paulo: Brasiliense. baixar

EASTMAN KODAK COMPANY. O prazer de fotografar: um guia do equipamento e das técnicas de fotografar melhor. São Paulo: Abril Cultural, 1981. baixar

BARBOSA, Andréa; CUNHA, Edgar Teodoro da. Antropologia e Imagem. Rio de janeiro: Jorge Zahar Ed., 2006. baixar

JORDAN, Pierre. Primeiros contatos, primeiros olhares. Cadernos de Antropologia e Imagem, 1. Rio de Janeiro: UERJ, 1995. baixar

Antropologia, Imagem e Comunicação: diálogos possíveis

GOMES PEREIRA, Pedro Paulo. 2000. Cinema e antropologia: um esboço cartográfico em três movimentos.  Cadernos de Antropologia e Imagem, 10(1): 51-69. baixar

PIAULT, Marc-Henri. “Antropologia e cinema”.  In: Catálogo II Mostra Internacional do filme etnográfico. Rio de Janeiro: Interior Produções, 2004. baixar

MALUF, S.; MAGALHÃES, N.; CAGGIANO, S. 2010. Introdução: As mídias em múltiplas perspectivas. (Sessão Temática Antropologia e Comunicação.) Ilha Revista de Antropologia, 10(2), (ago-dez. 2008). Florianópolis: PPGAS/UFSC. baixar

GINSBURG, Faye. 1999. “Não necessariamente um filme etnográfico: traçando um futuro para a antropologia visual.” In: Eckert, Cornélia e Mont-Mór, Patrícia. Imagens em foco: novas perspectivas em antropologia. Porto Alegre: EdUFRGS. pp. 31-54. baixar

HIKIJI, Rose S. G. 1998. Antropólogos vão ao cinema – observações sobre a constituição do filme como campo. Cadernos de Campo, 7 (7). baixar

BOURDIEU, Pierre. Sobre a Televisão.

DELEUZE, Gilles. Cinema – a imagem – movimento

GINSBURG, Faye; ABU-LUGHOD, Lila; LARKIN, Brian. Media Worlds Anthropology on New Terrain, 2002. baixar

DELEUZE, Gilles. 1990. “As potências do falso”. In: Cinema II: a Imagem-Tempo. São Paulo: Ed. Brasiliense.baixar

BERGER, John. 1982. Modos de ver. Lisboa: edições 70. pp. 9-36 (Cap. 1). baixar

FRANCE, Claudine de. 2000. “Antropologia fílmica. Uma gênese difícil, mas promissora”. In: FRANCE, Claudine. (org.). Do filme etnográfico à antropologia fílmica. Campinas: Ed. da Unicamp.baixar

SILVA, M. A. Eduardo Coutinho e o cinema etnográfico para além da Antropologia. Cambiassú, 7, ano XIX. São Luís: UFMA. pp. 161-174. baixar

CANEVACCI, Massimo. Antropologia do cinema : Do mito a industria cultural. 2. ed. São Paulo: Brasiliense, 1990. 175 p.

BERNARDET, J. C. 2003. “Viramundo ou a voz do dono”. In: Cineastas e Imagens do Povo. São Paulo: Companhia das Letras.

LEAL, Ondina Fachel. 1986. A leitura social da novela das oito. Petrópolis: Vozes.

Antropologia Visual

TACCA, Fernando de. A Imagética da Comissão Rondon: Etnografias Estratégicas.  Disponível em http://www.anpocs.org/portal/index.php?option=com_docman&task=doc_view&gid=4599&Itemid=356

TACCA, Fernando de. Rituaes e festas Bororo. A construção da imagem do índio como “selvagem” na Comissão Rondon. REVISTA DE ANTROPOLOGIA, 45(1). SÃO PAULO, USP, 2002. baixar

BARBOSA, Andréa; CUNHA, Edgar Teodoro da. Antropologia e Imagem. Rio de janeiro: Jorge Zahar Ed., 2006. baixar

JORDAN, Pierre. Primeiros contatos, primeiros olhares. Cadernos de Antropologia e Imagem, 1. Rio de Janeiro: UERJ, 1995. baixar

SAMAIN, Etienne. “Ver” e “dizer” na tradição etnográfica: Bronislaw Malinowski e a fotografia. Horizontes Antropológicos, 1 (2). Porto Alegre: UFRGS, p. 23-60, jul./set. 1995. baixar

ESPINOSA, Mónica; SCHLENKER, Juana. 2009.  Antropología (y lo) Visual. Antípoda: Revista de Antropología y Arqueología, 9. Bogotá: Universidad de Los Andes.baixar

BITTENCOURT, Luciana. 1994. A fotografia como instrumento etnográfico. Anuário Antropológico, 92. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro. baixar

RIAL, Carmem S. 1998. “Contatos fotográficos: nativos, antropólogos, jornalistas e turistas. Diferentes linguagens fotográficas?” In: KOURI, Mauro. (org.) Imagens e Ciências Sociais. João Pessoa: Ed. Universitária UFPB. pp. 203-224.baixar

TURNER, Terence. Mídia visual, política cultural e prática antropológica. Cadernos de Antropologia e Imagem, 3. Rio de Janeiro: UERJ, 1996. baixar

ASCH, Timothy. Porque e como os filmes são feitos. Cadernos de Antropologia e Imagem, 3. Rio de Janeiro: UERJ, 1996. baixar

RIBEIRO, Marcelo Rodrigues Souza. Escrevendo e filmando paisagens imperiais: a ambivalência de Tarzan e o nome político “África”. Artigo apresentando no XVIII Congresso da AILC/ICLA. 2007. baixar

MACDOUGALL, David. De quem é essa história? Cadernos de Antropologia e Imagem, 5 (2). Rio de Janeiro: UERJ, 1997. baixar

MACDOUGALL, David. Novos princípios da Antropologia visual. Cadernos de Antropologia e Imagem, 21 (2). Rio de Janeiro: UERJ, 2005. baixar

CRAWFORD, Peter Ian. Grass: a narrativa visual do nomadismo pastoril. Cadernos de Antropologia e Imagem, 12 (1). Rio de Janeiro: UERJ, 2001. baixar

HUSMANN, Rolf. Uma abordagem científica do cinema etnográfico: Peter Fuchs e a antropologia visual alemã. Cadernos de Antropologia e Imagem, 21 (2). Rio de Janeiro: UERJ, 2005. baixar

MACDOUGALL, David. Mas afinal, existe realmente uma antropologia visual? In: Catálogo II Mostra Internacional do filme etnográfico. Rio de Janeiro: Interior Produções, 2004. baixar

BISHOP, John. A vida através do mito: o desenvolvimento do cinema etnográfico na obra de John Marshall. Cadernos de Antropologia e Imagem, 21 (2). Rio de Janeiro: UERJ, 2005. baixar

BARBOSA, Andréa; CUNHA, Edgar Teodoro da. Antropologia e Imagem. Rio de janeiro: Jorge Zahar Ed., 2006. baixar

ROCHA, Ana Luiza Carvalho da; ECKERT, Cornelia. “Jean Rouch, encontros e confrontos da sociedade ocidental com a Alteridade/Diferença pelos olhos de um contador de histórias”. In: ZANINI, Maria Catarina Chitolina. Por que “raça”? Reflexões sobre “questão racial” no cinema e na antropologia. Santa Maria: Editora UFSM, 2007. baixar

ROBERTS, Martin. The self in the other: ethnographic film, surrealism, politics. Visual Anthropology, 8. 1996. baixar

PINNEY, Christopher. A história paralela da Antropologia e da Fotografia. Cadernos de Antropologia e Imagem, 2. Rio de Janeiro: UERJ, 1996. baixar

COLLIER Jr., John. 1973. Antropologia Visual: a fotografia como método de pesquisa. São Paulo: EPU/EdUSP.baixar

SAMAIN, Étienne. 2001. Quando a fotografia (já) fazia os antropólogos sonharem: o jornal La Lumière. Revista de Antropologia, 44 (2). São Paulo: USP.baixar

GRIMSHAW, Anna. 2001. The ethnographer’s eye. Cambridge: Cambridge Univ. Press. baixar

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. 2004. Fotografar, documentar, dizer com a imagem. Cadernos de Antropologia e Imagem, 18(1): 27-54.baixar

FELDMAN-BIANCO, Bela; LEITE, Míriam L. M. (orgs.). 2001. Desafios da Imagem. Campinas: Papirus.

MARESCA, S. Olhares cruzados: ensaio comparativo entre as abordagens fotográfica e etnográfica. In: SAMAIN, E. (Org.). O fotográfico. 2. ed. São Paulo: Hucitec; Senac, 2005. p. 129-160.baixar

Introdução à Linguagem Audiovisual

XAVIER, Ismail. 2003. “Introdução” e Cap. 1: “Cinema, Revelação, Engano”. In: O olhar e a cena. Rio de Janeiro: CosacNaif. baixar

EISENSTEIN, Sergei. 2002. “Palavra e Imagem”. In: EISENSTEIN, Sergei. O sentido do filme. São Paulo: Zahar, 2002. pp. 13-50. baixar

BERNARDET, Jean Claude. 1980. O que é cinema. Primeiros Passos (9).  São Paulo: Brasiliense. baixar

XAVIER, Ismail (org). A Experiência do Cinema. Rio de Janeiro: Graal, 1983. baixar

DEREN, Maya. Cinema: o uso criativo da realidade. (1960) 2012. Devires, 9(1). Belo Horizonte: UFMG. pp. 128-149. baixar

Cinema, Uma Janela Mágica

METZ, Christian. O Significante Imaginário, Psicanálise e Cinema baixar

SARAIVA, Leandro; CANNITO, Newton. Manuel, O primo pobre dos manuais de cinema e Tvbaixar

ROCHA, Glauber. Revolucão do Cinema Novo baixar

SALAS DE CINEMA EM SÃO PAULO – INIMÁ SIMÕES baixar

AUMONT, Jacques. 2006. “O filme como representação visual e sonora”. In: A Estética do Filme. 2ª ed. Campinas: Papirus Ed. baixar

Performance e Cinema

FERREIRA, Glauco. 2012. QWOCMAP: (auto)representações de mulheres queer e “de cor” e sua produção audiovisual nos EUA. Artemis, 14. João Pessoa: UFPB. pp. 68-86. baixar

VALCK, Marijke de. 2007. Film Festivals: From European Geopolitics to Global Cinephilia. Amsterdam: Amsterdam University Press. (não há tradução) baixar

ZIELINSKI, Gerald. 2008. Furtive, Steady Glances: On the Emergence and Cultural Politics of Lesbian and Gay Film Festivals. (Tese de doutorado). Montréal: Department of Art History and Communication Studies/McGill University.baixar

BESSA, Karla. 2007. Os festivais GLBT de cinema e as mudanças estético-políticas na constituição da subjetividade. Cadernos Pagu (28): 257-283. baixar

ELLSWORTH, Elizabeth. 2001. “Modo de endereçamento: uma coisa de cinema; uma coisa de educação também”. In: TADEU, Tomaz (org.). Nunca fomos humanos. Belo Horizonte: Autêntica.baixar

BENJAMIN, Walter. [1936/55] 2000. “A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica”. In: LIMA, Luiz Costa. Teoria da Cultura de Massa. São Paulo: Paz e Terra. baixar

HARTMANN, Luciana. 2004. ‘Revelando’ Histórias: os usos do audiovisual na pesquisa com narradores da fronteira entre Argentina, Brasil e Uruguai. Campos, 5(2):65-86.baixar

PIAULT, Marc-Henri. “Real e Ficção: onde está o problema?” In: KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro (Org). Imagem e Memória: Estudos em Antropologia Visual. Rio de Janeiro, Garamond, 2001. baixar

O Cinema e a Cidade

RIBEIRO, Ana Paula A. Múltiplas cidades: representações do Rio de Janeiro no cinema e outras mídias. Recine, 10 (10), 2013.baixar

SILVA, Marcos Aurélio. A cidade de São Paulo e os territórios do desejo: uma etnografia do Festival Mix Brasil de Cinema e Vídeo da Diversidade Sexual. Revista Eco-Pós, 16 (3). Rio de Janeiro: UFRJ, 2013. p. 19-43. baixar

CANEVACCI, Massimo. 2009. Fetichismos Visuais. São Paulo: Brasiliense.baixar

MACHADO, Arlindo. “As linhas de força do vídeo brasileiro”. In: MACHADO, Arlindo (org.). Made in Brasil: três décadas do vídeo brasileiro. São Paulo: Iluminuras/Itaú Cultural. pp. 15-48.

DEVOS, Rafael V. 2007. “Filmes de memória” como hipertextos. Revista Chilena de Antropología Visual, 10. Santiago. pp. 137-162.baixar

SILVA, M. A. 2012. Territórios do desejo: Performance, Territorialidade e Cinema no Festival Mix Brasil da Diversidade Sexual. Tese (Doutorado em Antropologia Social). Florianópolis: PPGAS/UFSC.baixar

Cinema e subjetividade

LIPOVETSKY, Gilles; SERROY, Jean. 2009. A Tela Global: Mídias Culturais e Cinema na era hipermoderna. Porto Alegre: Sulina. baixar

RAUN, Tobias. 2010. Nascimentos em tela: explorando o potencial transformador em blogs de vídeo no YouTube. Cronos, 11(2). Revista do Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais. Natal: UFRN. pp. 79-96. baixar

ABU-LUGHOD, Lila. 2003. Melodrama Egípcio: uma tecnologia do sujeito moderno? Cadernos Pagu, 23. Campinas: Unicamp. pp. 75-102.baixar

Gênero, Sexualidade e Cinema

LAURETIS, Teresa De. “A Tecnologia do Gênero”. In: HOLLANDA, Heloisa (org.). Tendências e Impasses – O feminismo como crítica da cultura. Rio de Janeiro: Rocco, 1994. baixar

KAPLAN, E. Ann. 1995. “O Olhar é masculino?” In: A mulher e o cinema: os dois lados da câmera. Rio de Janeiro: Rocco. baixar

MULVEY, Laura. [1974] 1983. “Prazer visual e cinema narrativo”. In: XAVIER, Ismail (org.). A experiência do cinema. Rio de Janeiro: Edições Graal/Embrafilme. baixar

LOPES, Denilson. Cinema e Gênero. Sombras Elétricas, 5/6 (revista eletrônica). Novembro-Dezembro de 2005. Disponível em  http://sombraseletricas.webnode.pt/arquivo/cinema-e-g%C3%AAnero-(i)-denilson-lopes/ (duas partes) baixar   baixar

Cinema e o Pós-Colonial

SHOHAT, Ella; STAM, Robert. 2006. Crítica da Imagem Eurocêntrica. São Paulo: CosacNaify. baixar

TURNER, Terence. 1993. Imagens Desafiantes. Revista de Antropologia, 36: 81-121. São Paulo: USP.

MACDOUGALL, David. 2009. Cinema Transcultural. Antípoda: Revista de Antropología y Arqueología, 9. Bogotá: Universidad de Los Andes. baixar

ABU-LUGHOD, Lila. 2001. A interpretação de cultura (s) após a televisão. Cadernos de Antropologia e Imagem, 13(2). Rio de Janeiro: UERJ. pp. 103-109.baixar

2 thoughts on “TEXTOS

  1. Olá,

    Sou Maria Julia Vicentin, graduanda da Ciênciais Sociais da USP. Estou escrevendo um projeto de Iniciação Científica na área de antropologia visual e estou precisando muito desse texto:

    HUSMANN, Rolf. Uma abordagem científica do cinema etnográfico: Peter Fuchs e a antropologia visual alemã. Cadernos de Antropologia e Imagem, 21 (2). Rio de Janeiro: UERJ, 2005

    Não encontro em lugar algum e aqui na internet vi que vocês são os únicos que estão disponibilizando ele. Estou tentando baixar, mas estou tendo muita dificuldade.. Gostaria de saber se tem como vocêss me enviarem ele por e-mail. Me ajudaria imensamente!!

    Agradeço desde já!
    Saudações,

    Maria Julia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>